A Instituição


História

O Patronato de Nossa Senhora de Fátima, IPSS, do lugar de Vilar, freguesia da Glória, cidade e diocese de Aveiro, nasceu no ano de 1956, para tirar da rua, na medida do possível, algumas crianças, cuja vida era passada em brincadeiras fora de casa e longe da vigilância dos pais.

Padre Almeida O sacerdote, Padre António Dias de Almeida, do lugar notou essa imperiosa necessidade e começou a pensar como poderia ajudar essas crianças na sua promoção e educação cristã. Uma senhora do lugar, Maria Luzia dos Santos Gamelas, cedeu gratuitamente uma das dependências da sua casa de habitação, que a partir de 1996 foi doada em testamento ao Patronato. Começou com sete crianças apenas e em condições de extrema pobreza. Foi colocado sob a proteção de Nossa Senhora, ficando a designar-se Patronato de Nossa Senhora de Fátima.

Em 1960, foi inaugurado um salão, onde funcionava uma “escola” e uma casa de costura e nove anos mais tarde foi realizada uma nova ampliação que facilitava um melhor funcionamento dos serviços do patronato. Em 1988, numa casa comprada e adaptada para o efeito inaugura o centro de dia. Em 1995 foram inauguradas as instalações onde funcionava a creche, cozinha e secretaria. Foram remodeladas as instalações e em 1999 abriu a valência de mini- lar que viria a acolher permanentemente 13 idosos.

Mantendo sempre a linha de servir e o lema “mais e melhor” continuou a crescer, tendo um segundo edifício que constitui o Pólo II . O Patronato viveu, durante vinte anos, sem ajudas oficiais: a sua vida, bastante simples, ficava a dever-se à generosidade e desprendimento das poucas pessoas que o serviam. Anualmente realizava-se uma exposição-venda de ofertas feitas por amigos da obra, que compreendiam o alcance social do trabalho que prestava e apenas em 1976, começou a receber apoio do então instituto da família e ação social. A partir daí mantém acordos de cooperação com a segurança social nas várias respostas sociais: creche, pré- escolar, centro de dia e lar. O Patronato orienta-se pelo princípio de que todos os homens têm direito à educação, e os pais são os primeiros e principais responsáveis pela educação dos filhos. Tem como missão: “Estar ao serviço de quem precisa, proporcionando qualidade de vida integral, bem estar e educação”. Como instituição da Igreja Católica, defende e prioriza a “pessoa humana na riqueza integral das suas dimensões.” (in Pastoral catequética, 2007) Assim, considera-se como principal objetivo da educação “ suscitar e favorecer a harmonia pessoal, a verdadeira autonomia, a construção progressiva e articulada dos aspetos racional, afetivo e emocional, moral e espiritual. Desta harmonia pessoal decorre a participação social e feliz, cooperante e solidária, que resulta na harmonia social.” (in carta pastoral, 2002)

Atualmente, o Patronato Nossa Senhora de Vilar acolhe cerca de 200 crianças e 40 idosos e conta com uma equipa de cerca de 50 colaboradores qualificados.


Missão, Visão, Valores

Missão: Estar ao serviço de quem precisa, proporcionando qualidade de vida integral, bem-estar e educação.

Visão: Somos reconhecidos pela competência na prestação de serviços à comunidade, como Instituição da Igreja Católica.

Valores: Respeito pela dignidade da Pessoa Humana; Educação; Abertura ao Outro; Simpatia; Apoio Religioso; Cuidar; Confiança; Responsabilidade; Tolerância.


Politica de Qualidade

  • Prestar serviços às crianças e idosos, valorizando-os e garantindo a sua permanente satisfação e bem estar, tendo em conta o estabelecimento de boas práticas.
  • Estabelecer relações de parceria com entidades externas que demonstrem capacidade para atingir as especificidades da qualidade, tendo em conta a melhoria contínua.
  • Apostar nos colaboradores através do desenvolvimento das suas aptidões e capacidades, promovendo a sua formação.
  • Promover a melhoria contínua através do conhecimento dos requisitos e procedimentos internos, de forma sustentada.

Orgãos Sociais

Os orgãos sociais nomeados para o quadriéno 2016-2020 são os seguintes:

Direção:

  • Presidente - Padre Fausto Araújo de Oliveira
  • Secretária - Maria Júlia Vieira Casal
  • Tesoureiro - João Paulo Mendes Marques
  • Vogal - Pedro Jorge Silva Borralho
  • Vogal - Ivo Navarro Machado

Conselho Fiscal

  • Presidente - António Maia Duarte
  • Vogal - João Pedro Maia Matias
  • Vogal - Anabela Marques Rei da Silva


Documentos

Visite a nossa página de facebook! ||Contatos || Ficha Técnica